22 de mai de 2014

Lá no Meu Facebook é Assim

Vou explicar uma coisa:
Essas postagens do tipo "quem ama Jesus compartilha", se você crê em Deus curta e compartilhe" e por aí vai, eu não compartilho nem posto porque dizem respeito única exclusivamente à fé e evito entrar nessas questões. Fé, cada um que tenha a sua e que Deus abençoe a todos.
Posto sobre santos católicos porque fazem parte do nosso calendário (pois dizem que o Brasil é um país católico) é uma menção e curte e compartilha quem estiver a fim.

"Postagens Afro" posto, não porque sejam religiosas, mas porque TAMBÉM fazem parte das nossas matrizes culturais brasileiras, compõem o nosso conteúdo cultural e histórico brasileiro. Afinal, não se beneficia do tráfico negreiro e promove-se a crueldade impunemente. Temos a obrigação de compreendermos a cultura africana, pois que os seus desdobramentos influenciam nossos dias, não "somos todos macacos" (aliás que modinha passageira, não?) mas de certa forma somos todos negros também. No mínimo que abra-se a conta de folclore urbano para essa matriz cultural, pois que até os dias de hoje ela gera lucro, riqueza e visibilidade para a nossa cidade, nem vou mencionar o país.
Religião, religiosidade e fé são coisas diferentes entre si, algo individual e intransferível, o folclore por ser registro de identidade cultural deve ser transferido de geração em geração para que não nos percamos nas referências estrangeiras e alheias tentando ser algo que jamais seremos e, a religiosidade ou aspectos religiosos dele, devem ser explicados e no mínimo tratados respeitosamente como uma tradição, viva pois que corre nas nossas veias e suas influências são recorrentes e indiscutíveis.
Espero que tenham me compreendido e, acrescento que não tenho religião, embora seja fã incondicional das palavras do Novo Testamento atribuídas a Jesus Cristo, o que faz de mim um ser cristão, mas jamais me tornará um ser bitolado. Aliás Cristo era muito moderno para a sua época e continua até hoje mega moderno porque nós é que somos cafonas e atrasados.
É isso

Um comentário:

  1. Eu também não repasso nenhuma mensagem `se vc crê compartilha` pq vejo isso como uma chantagem.
    Tenho uma relação afetiva forte com os cultos afrobrasileiros. Minha família é muito católica, mas lembro do barulho ao longe dos terreiros na hora de dormir, quase como uma cantiga. Achava bonito e misterioso. Até hoje gosto de ler posts sobre o assunto, queria entender mais.

    ResponderExcluir

Fique à vontade pra dar sua opinião.